Hospital Infante D. Pedro instala 720 painéis solares

O Centro Hospitalar do Baixo Vouga vai instalar 720 painéis solares no Hospital Infante D. Pedro, em Aveiro, que permitirão uma redução de 22 mil euros por ano na fatura energética.

A instalação dos painéis solares fotovoltaicos de 310 watts para a produção de energia elétrica vai também permitir uma diminuição assinalável das emissões de dióxido de carbono, na ordem das 140 toneladas de dióxido de carbono por ano.

“Cada vez mais, as preocupações com a sustentabilidade ganham relevo e tal também é verdade nas instituições de saúde. Por esse motivo, decidimos apostar num projeto em modelo de autoconsumo que irá contribuir para uma diminuição significativa das emissões de dióxido de carbono da nossa unidade de saúde, para além de nos permitir uma poupança económica significativa que podemos canalizar para o cumprimento da nossa missão, a prestação de cuidados de saúde de qualidade aos nossos utentes”, explicou o administrador do Hospital Infante D. Pedro, Carlos Picado.

Segundo o CEO da SunEnergy (empresa que vai proceder à instalação do sistema solar), Raul Santos, as entidades públicas, sobretudo os hospitais, têm um consumo energético regular e elevado e é por esse motivo que as instituições de saúde têm vindo a apostar cada vez mais na instalação de painéis solares fotovoltaicos para autoconsumo como forma de reduzir a sua fatura energética e também a pegada ecológica da sua atividade.

Newsletter TecnoHospital

Receba quinzenalmente, de forma gratuita, todas as novidades e eventos sobre Engenharia e Gestão da Saúde.


Ao subscrever a newsletter noticiosa, está também a aceitar receber um máximo de 6 newsletters publicitárias por ano. Esta é a forma de financiarmos este serviço.